A importância da castração para os Pets

A castração é a única maneira ética e eficaz de controle de animais abandonados, além de prevenir diversas doenças em cães e gatos. Mas, hoje, o número de castração ainda não é o suficiente e o motivo pode partir da desinformação. Muitos tutores pensam que castrar um animal significa tirar seu objetivo de vida, que é se reproduzir. Mas, a falta da castração pode gerar diversos problemas.

A castração prematura diminui consideravelmente o risco de a cadela desenvolver tumores de mama, previne doenças sexualmente transmissíveis e doenças reprodutivas, como cistos ovarianos (em fêmeas), aumento da próstata em machos, além de excluir completamente a possibilidade de infecção no útero.

Não é exagero falar que, ao castrar um animal, você está salvando centenas ou milhares de outros, já que, na prática, você está impedindo que outros nasçam e acabem abandonados. Castrar é uma medida emergencial das mais importantes para o controle populacional de animais de rua.

Além evitar novas crias e prevenir doenças, a esterilização ainda afasta alguns comportamentos indesejados pelos tutores. Aquele instinto do cão de fazer xixi em todos os cantos da casa para marcar território, por exemplo, tende a desaparecer. E quanto antes a castração acontecer, maiores as chances. Outro benefício da castração é que ela acaba com os latidos, uivos e miados excessivos que, geralmente, ocorrem por causa do cio.

Fonte: Catraca Livre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *